Como evitar que falte capital de giro na sua empresa

Como evitar que falte capital de giro na sua empresa

Fundamental para o bom funcionamento da empresa, o capital de giro é um importante termômetro do negócio. Ter problemas com o capital de giro é sinal de alerta: entenda como gerenciar o recurso para o bem da empresa.

Todas as empresas precisam dedicar bastante atenção ao capital de giro – afinal, é ele que permite que os processos da empresa possam funcionar adequadamente. Mas a importância vai além: se o capital de giro não vai bem, a empresa pode chegar à falência.

Se o capital de giro não for suficiente ou for mal administrado, a empresa pode se comprometer e corre o risco de falir. Para isso, é preciso tomar alguns cuidados para evitar que o capital de giro não seja prejudicado.

Planejamento é essencial

A maior parte dos problemas começa justamente com a falta de planejamento. Por isso, é preciso mapear as ações da empresa e saber onde e quanto se gasta em cada processo. Isso também permite que a visão sobre o negócio seja mais estratégica, fazendo com que os gestores possam ter mais assertividade nas suas decisões.

Uma importante ferramenta para esse planejamento é o fluxo de caixa. Com ele, o negócio tem previsibilidade financeira e permite que o gestor saiba exatamente qual é a situação da empresa.

Fazemos a planilha de fluxo de caixa para você.

Cuidados com contas a pagar e receber

Um dos princípios fundamentais do capital de giro é justamente a entrada dos recursos. Se existe dificuldade em receber os valores de seus clientes ou receber em prazos inadequados, a empresa é prejudicada.

Por isso, é preciso adotar algumas boas práticas para tornar o controle financeiro mais eficiente. Não demorar para emitir cobranças, oferecer descontos para quem paga antes ou no dia do vencimento e acompanhar o histórico dos clientes são alguns exemplos dessas medidas.

Dinheiro não pode ficar parado

O estoque é fundamental para que a empresa tenha segurança e é essencial para muitos processos do negócio. Mas é importante ter cuidado! Se o estoque contar com muitos produtos ou recursos parados, isso significa que o seu dinheiro está parado também.

Se você não tem capital de giro, saiba como produzi-lo

Gerenciar o capital de giro é uma tarefa indispensável para a boa administração da empresa. Por isso, caso ele esteja faltando, é importante que você conheça maneiras de aplicar recursos para que os processos estejam em conformidade.

Uma das alternativas é contratar créditos saudáveis, como o crédito com garantia de imóvel. As taxas mais baixas de juros e os prazos estendidos de pagamento tornam as parcelas menores quando comparadas à linhas tradicionais de crédito, como o cheque especial e o empréstimo pessoal. Se você pode pagar menos, por que pagar mais? Faça uma simulação com a Bcredi e invista no capital de giro para a sua empresa!

Comentários (2)

    1. Olá, Luciana.
      Tudo bem?

      Oferecemos o crédito com garantia de imóvel, no qual você apresenta um imóvel próprio como garantia e pode refinanciar até 50% do valor do imóvel.

      O crédito é liberado para valores entre R$ 50 mil e R$ 1,5 milhão.

      O primeiro passo é fazer a simulação neste link: http://bit.ly/2AOmv4C – Basta acessar e seguir as instruções.

      Se ficar com qualquer dúvida, conte com a gente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.