5 dicas para terminar o ano no azul (e ainda garantir uma sobrinha para as férias)

5 dicas para terminar o ano no azul (e ainda garantir uma sobrinha para as férias)

Metade do ano já passou, mas você ainda tem tempo de se organizar com as contas para começar 2018 com a vida financeira mais saudável.

Estamos nos aproximando da reta final de 2017. Se você não conseguiu botar ordem na vida financeira até aqui, ainda dá tempo de se preparar para fechar o ano com as contas em dia. Com organização, disciplina e disposição, dá até para aproveitar melhor as férias no início do ano que vem. Quem sabe não sobra um saldo para inserir mais um roteiro na sua viagem? Confira algumas dicas do que você pode fazer AGORA para terminar o ano no azul:

1. Revise seu planejamento
Nós sabemos, imprevistos acontecem. Mas você já analisou de que forma aquelas despesas que você não esperava ter no início do ano impactam seu projeto até o fim do ano? E o aumento da gasolina? Como ele impacta seu orçamento doméstico? Se a sua resposta é “não sei”, não perca tempo e baixe agora mesmo esse modelo de planilha de finanças pessoais.

2. Corte uma despesa fixa
Você realmente lê todas aquelas revistas que você assina? Só lembra do clube na hora de pagar a mensalidade? E o aparelho de TV a cabo virou enfeite depois que o Netflix entrou na sua vida? Talvez algumas das despesas mensais que você está habituado a ter já não sejam assim tão importantes para você. Revise cada uma delas e, na dúvida, pense nas férias.

3. Deixe o cartão de crédito de lado
A gente vive batendo nessa tecla, mas não custa reforçar: as taxas de juros do cartão de crédito rotativo no Brasil são as mais altas do Planeta Terra. Evite o uso do cartão de crédito de forma indiscriminada e fuja dos parcelamentos e pagamentos do valor mínimo. Prefira sempre o pagamento à vista, que permite inclusive negociar descontos.

4. Deixe o 13º salário quietinho
Tem gente que define o destino do 13º salário lá no Carnaval. Do ano passado. Esqueça que ele existe. Ou melhor: deixe ele quietinho, no canto dele. Não é porque ele é considerado pela maioria das pessoas como um plus, um presente, que você precisa usá-lo da mesma forma. Poupe o seu 13º e use-o quando realmente precisar.

5. Complemente sua renda
Cortar despesas é difícil. A gente entende. Então será que não é hora de avaliar uma possibilidade de incrementar a renda? Como você usa o seu tempo? Você pode fazer um bazar de garagem e faturar um extra com aquelas coisas que você já não usa mais. Ou estender o tempo de funcionamento do seu comércio. Que tal?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.